domingo, 5 de outubro de 2008

CHE BELLA MACCHINA!

Vista hoje pelos amantes de carros como pouco mais do que uma Ferrari de segunda categoria, a Maserati já teve vida própria no mundo dos carros-esporte, inclusive nas mãos do grande Juan Manuel Fangio nos mundiais de 54 e 57. O ponto alto dos carros de rua da marca do tridente, entretanto, viria dez anos depois com o Ghibli, um sensacional Grand Tourer com design Ghia vestindo um V8 de 4.7 litros com quatro comandos de válvula desenvolvido pela própria Maserati e que, com seus 330 cv líquidos, era capaz de colocar o esportivo bolonhês no mesmo patamar de Ferrari Daytona, Iso Grifo e Lamborghini 400 GT - realmente, os italianos são os verdadeiros artistas! A produção foi de 1967 a 1973 e chegou a 1274 unidades, um sucesso diante do preço estratosférico imposto pela produção artesanal. O exemplar 1970 da foto esteve no Brazil Classics 2004 e há notícia de pelo menos mais um no Brasil, no acervo do Veteran de BH, que pode se gabar de ter também os outros três concorrentes italianos citados acima. Os quatro, juntos, oferecem uns 1400 cavalos bem-dispostos; se precisar refrescar a memória, os outros três também estão arquivados aqui no blog. Qual deles você levaria para passear?

6 comentários:

Chico Rulez! disse...

Pergunta sacana essa hein? Com muita dificuldade em fazer a escolha, acho que ficaria de Lamborghini.

Vecchio disse...

Luís Augusto! Parabéns pelo seus blogs.Tenho acompanhado-os assíduamente. Acho espetaculares as fotos postadas, têm enriquecido grandemente meu arquivo, além dos comentários muito bem articulados e pertinentes.Continue proporcionando alegria e momentos de entretenimento a todos nós que gostamos de "antigomobilismo".Vida longa ao Antigomóveis.
Abraço,
Vecchio - Curitiba.

Luís Augusto disse...

Prezado Vecchio, obrigado pela força; seja sempre muito bem-vindo.
Chico, acho que meu voto vai para o Grifo e sua mecânica de Corvette.

Felipão disse...

Bom...

Fui ali no cantinho do blog relembrar as macchinas e fico com a Daytona. Se bem que essa Maseratti é uma tentação... coisa linda... Assim como Grifo com o motor estadunidense e a Lambo...

Difíciiiiiiiiiiiil...

Mauricio Morais disse...

Eu iria com a Daytona sem pestanejar.

Tiago disse...

Pois é. O trem foi reativado em 2006 com uma estrutura parruda de serviços e lazer por trás. Vale a pena ir de novo. Abraço.