sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

PARA OS QUE ZOMBAM DA FRAGILIDADE DO GORDINI...

... uma cortesia do leitor Dario Faria.
Bom fim-de-semana a todos!

24 comentários:

Germano disse...

os Dauphine Gordini (nome real do carro) eram sim modelos frágeis...tão frágeis que ganharam corridas como rali de Monte Carlo,Córsega e Costa do Marfim..além de provas ridículas de fáceis como a Mille Milgia no final da década de 1950...hehehehe


era sem dúvida um carro fraco =D

Joel Marcos Cesetti disse...

Na minha opinião não eram frágeis, acho que era conversa da concorrência.

Felipão disse...

mas os carros de competições não são extamente os mesmos de rua...

roberto zullino disse...

Os gordinis e berlinetes sempre foram um estelionato, os carros de corrida não eram iguais aos de rua. Não houve um gordini sequer que correu com as pontas de eixo originais. A willys cedia as pontas de eixo francesas para os particulares. Isso e mais umas outras coisas como juntas de cabeçote, satélites etc...
Não me consta que ganharam alguma coisa importante nas MM ou Monte, devem ter ganho alguma coisa na categoria, na maioria das vezes correndo contra porcarias piores, sempre há piores. E sempre com uma enorme estrutura de manutenção da Renault que acabava trocando tudo.
Não ganhou a fama de porcaria injustamente, quem teve sabe bem a merda que era. Nunca se sabia se voltava ou não de viagem.

Carros Antigos disse...

Adesivo bem-humorado. Faz me rir!

Mauricio Morais disse...

Deixando a polêmica de lado, o adesivo é ótimo, he, he.

Renato disse...

Deve ter bem poucos desses adesivos de "Renault Lovers"... rs

Tohmé disse...

Quero um desses

Germano disse...

vitórias gerais do Dauphine Gordini em ralis
Monte Carlo - 1958
Tour de Corse - 1956,1958,1959,1962
na Mille Miglia de 1956 levou os quatro primeiros lugares na classe

sobre os carros...eram modelos Gordini normais,os R1091, os que eram feitos exclusivamente para corrida eram os 1093

Germano disse...

e os concorrentes dele nos ralis eram os Porsche 356, Alfa Romeo Giulietta, DKW F91, e outros carros da época

roberto zullino disse...

Acho que só o meu que era uma merda, vou ter que comprar um para tirar a prova.
Provas de Rallye e MM não significam muita coisa do carro, mas sim da estrutura nos bastidores que dá suporte aos carros.
Um Porsche 356 não tem a menor chance se for de uma equipe particular e sem estrutura de bastidor contra um Gordini com uma enorme estrutura que rafaz o carro a cada etapa.
Na época essas corridas eram muito importantes para se vender carros. Principalmente, bombas como os Gordinis, os consumidores "pouca prática" acabavam caindo no conto. A mesma coisa aconteceu aqui, os Gordinis e Berlinetes dominaram o automobilismo de maneira acachapante, durante uma época ninguém podia enfrentara equipe Willys.
E daí? Os carros de rua continuaram a serem umas bombas apesar das vitórias.
O Gordini bateu inúmeros records de resistência em Interlagos na época, a maioria records mundiais e fez isso mesmo capotando.
Em nada melhorou a situação do incauto que comprou os 40 HP de emoção .
A raridade dos Gordinis mostra que a maioria se dissolveu como o Leite Glória.
Apenas mais um estelionato mercadológico que não deve ser levado à sério hoje em dia. Virou folklore.

Francisco J.Pellegrino disse...

Meio contrariado tenho que concordar com o Zullino...eu ví fabricarem !

Carros Antigos disse...

Esse adesivo tá me fazendo rir até hoje. Na mesma linha, sugiro outros, assim:

"Maior economia de combustível em sua categoria", para o Dodge Dart.

"Nossos freios são os mais seguros", para o Maverick.

"Conforto em primeiro lugar", para o Fusca.

"Construímos carros silenciosos", para os Vemag.

E por aí vai!

Nelson disse...

Tenho pena das pessoas que nao sabem o que falam , de uma olhada no comentario que fiz * as famosas Condiçoes brasileira * . Eu queria sabem ,quem e que dava peças importadas para que corria de Renault na epoca , que o Roberto Zullino falou, pois eu e o Luigi Ciai meu preparado e preparado de um grande numero de interlagos e gordini nunca recebemos ????????????
Tem alguma coisa errada por ai.

Quem nao souber quem e Luigi Ciai de uma olhada no Lenda Viva na www.AUTOCLASSIC.com.
ate.

roberto zullino disse...

Não precisa ter pena de ninguém, a não ser de si próprio e talvez nem isso.

Talvez o teu preparador sabia das coisas como você bem o fala, ele era uma lenda viva. Folgo em sabê-lo, pois não me lembrava.

A willys fornecia peças para os particulares sim, é só perguntar para os menos jovens em Interlagos que o assunto sai.

Nelson disse...

Creio que voce esta bem errado, pois eu, Fernando Feiticeiro e Luigi Ciai tinhamos um bom conhecimento com o Greco.
O que o Greco fazia era vender um comando novo que pintava.
Escutar as historia e uma coisa , viver o que se passou e outra.
ATE Cintra

roberto zullino disse...

É, devo ter inventado a história. Também inventei o fato de que o carro era uma merda, sou muito inventivo.
A sorte é que tem milhares andando por aí para provar que estou errado.
A preservação da memória automobilística deve estar sempre subordinada à verdade.

Nelson disse...

E realmente, tem milhares, com tem milhares de Sinca , JK , Aero bolinha e fusca 1200. Todas as exposiçoes que vamos, encontramos varios Fuscas, e verdade dos anos 70, dezenas de Opalas, e centena de chevettes tudo dos anos 70 e que quantidades estes carros foram fabricado ????????????
Nao temos culpa , se voce comprou um 1093 bichado , como tem varios A3 que nao valem nada, pois ja estiveram na mao de centenas de pessoas.. Saber comprar e um regra.

Nelson disse...

Esqueci de lembrar a voce; Quando a Willys resolveu vender os prototipos Mark 1 , o Greco ofereceu primeiro ao Fernando Feiticeiro , sabe por que ????
Todas a corridas que tinham aqui no Rio , os carros ficavam guardados na sua oficina na Rua Humaita, e ele ja tinha comprado uma carretera , quando a Willys vendeu os Interlagos para a Transparana.
Foi ele que deu um fim no carro batido em Petropolis, pois na epoca estava ocupando espaço na oficina.
OK

roberto zullino disse...

Não qualifique os outros que você não tem esse direito. Nem me conhece e vem fazendo juízo. Como sabe que não sei comprar carro?
Para seu governo comprei zero km na autorizada Cipan e aliás quem comprou foi meu pai que teve 220 automóveis de uso próprio e que negociou com carros a vida inteira.
Tenho oficina em casa por hobby há mais de 20 anos e mantenho eu mesmo a frota doméstica e de alguns incautos.
O carro era uma merda de fábrica. Uma porcaria notória. Ganhou o apelido de Leite Glória e se não fosse justificado o apelido não pegaria. Evidentemente, tem sempre quem defenda a porcaria. A humanidade adora o fracasso.

Não vejo relevância do Greco guardar carro aqui ou acolá. O carro batido deve ter tido um fim mesmo, mas porque será que há rumores de um escândalo envolvendo o mesmo? Será que foi alguma feitiçaria? Explica melhor como esse carro apareceu. Com a palavra a lenda viva.

Anônimo disse...

Caro João, conheci este blog hoje pelo blog do Flávio Gomes.
Fiz esse desenho em p/b, imprimia em silk-screen e saia vendendo os adesivos em SP. Também criei um para o Fusca e o DKW, desses tenho originais. J. Eduardo S. Ramos zeedu@hotmail.com

baruch bentzion disse...

Ahahahaha O Dauphine \ gordini eramtão 'ruins' que NUNCA deixaram de serem os mais vendidos em TODA Europa, e foi o campeão por 3 anos consecutivos de vendas só atrás dos FIATs 500 - 600 \ 1100 por razões óbvias de 'Preço' $$$ e da boa qualidade Fiat sem dúvida!

E a Renault só 'fracassou' nos USA com o Dauphine, por puro problema de Gestão ! Vendeu por 2 anos como pão quente nas terras de Tio Sam ... Inclusive no 2.ao ano a superar os VWs a ar, xodó 'Cult' na Altura 1957-58.

Tenho um Gordini 1963 e é Pau pra toda obra ! Maravilha ! Uso-o diariamente. E tenho tb um VW 1300,1972 e um DKW 1966 tb ótimos, mas o Gordini GANHA disparado em desempenho e economia e manutenção.

Anônimo disse...

Brasileiro é de k h... falamal de tudo, criticatudo,reclama de tudo...Pô pobraiada... adquiram carros como Lamborguini, Masserati, Land Rover, e outros carrinhos da mesma categoria, cos 6 naun vao recramá de nada... Ficam falando mal de Fusca, Clçio, Gordini, Dekavê, puta pobraiada...Viva meu Criu mil...baun pa caraca, alem dos meu fusca, decavê, Sinca,jeep etcs...Vaun se cata pobraiada do caraca...

luiz carlos ramalho garcia disse...

Como faço para conseguir um adsivo destes ? meu e-mail sonometric@uol.com.br. Grato Luiz