quarta-feira, 13 de maio de 2009

SERÁ UMA MIRAGEM?

Não, caros amigos, vocês não estão vendo coisas. Trata-se, realmente, de uma Ferrari 250 GT California LWB, um dos mais caros e cobiçados esportivos já produzidos em toda a história; quem tem mais de 25 anos de idade sabe de cor as especificações do modelo graças ao clássico Ferris Bueller's day off, no qual o personagem Cameron a descreve como o maior tesouro do seu pai - maior do que ele próprio, segundo seu julgamento. Outra informação que cerca a 250 GT California foi a venda de uma SWB por quase USD 11 milhões há alguns meses. O melhor de tudo é que essa aí estava no último encontro do Alphaville ao alcance do olhos, perfeita em cada detalhe, sem cordão de isolamento e longe das multidões de curiosos que insistem em "ver" os carros antigos com as mãos. Como curiosidade, esse foi o primeiro encontro de antigos que o Felipe participou - começou bem, não acham? - e a cobertura completa deve estar no blog do Chico Rulez em breve.
ATUALIZAÇÃO ÀS 13:55: Não se trata de uma 250 GT California, mas de uma 250 GT Cabriolet Pininfarina Série II. Aos caros leitores, minhas apologias pela precipitação.

15 comentários:

XFLoripa TV disse...

Este Ferrari é dos modelos mais bonitos, sobretudo na cor prata! De longe parece um MG MGB, mas só parece.
Parabéns pela postagem.
Nuno Canastra

XFLoripa TV disse...

Este Ferrari é dos modelos mais bonitos, sobretudo na cor prata! De longe parece um MG MGB, mas só parece.
Parabéns pela postagem.
Nuno Canastra

Teca disse...

Que lindo, Luís!

E mais espetacular ainda é a história que li.

Beijos.

Germano disse...

belíssimo carro

Nuno disse...

Boa noite,

Venho propor uma troca de links com o site Auto Prime News. Poderão encontrá-lo em:
http://www.autoprimenews.com/

Grato pela atenção,

Nuno

Flávio Costa disse...

A que foi leiloada é 1961. Sabe o que ex dono dela disse? Que "a única forma de uma celebridade matar o tédio, é ao volante de uma Ferrari". rsrsrs

Gonçalo disse...

boa noite

muitos parabens pelo seu blog...

eu tb sou um apaixonado por carros antigos, mas ainde só tenho um.,...

Teca disse...

Luís, acabei não perguntando pra você: hoje, 13 de maio, além da Abolição da Escravatura, comemora-se também o Dia do Automóvel. É isso mesmo? Me disseram que a escolha do dia tem a ver com a fabricação do primeiro carro de passeio brasileiro, o DKW Belcar, em 1958.

Se sabe, conte mais que a teca aqui adora histórias...

Beijos.

Chico Rulez! disse...

Brochei do mesmo jeito que você quando fui pesquisar em sites de leilões e vi que era uma 250 GT Cabriolet Pininfarina S II. Sem querer desmerecer a maravilha que é esse carro, mas a gente tava igual pinto no lixo achando que era a California né? hehehehe

Luís Augusto disse...

Oi, Teca! Não sou muito ligado a esse tipo de coisa, acho meio bobo (dia disso, dia daquilo), mas há uma boa referência no blog do Maxicar, listado aí ao lado. Quanto ao primeiro carro de passeio brasileiro, aí vão algumas datas: Romi-Isetta - set/56; DKW Vemaguet - nov/56; VW Kombi - fev/57; DKW Belcar - mai/58. Vale lembrar que os nomes Belcar e Vemaguet só foram adotados posteriormente.

Luís Augusto disse...

Pois é, Chico, episódios assim servem para mostrar como é vasto esse universo, no qual há tantos "especialistas"...

Teca disse...

Tá certo, Luís! Datas... ah... datas... treco chato mesmo!

De qualquer forma, valeu pela dica do blog que por sinal é ligado ao site.

Thanks.

Francisco J.Pellegrino disse...

Lindona, maravilhosa, espetacular....faltam adjetivos...

Felipão disse...

no filme mesmo colocaram um carro dublê para fazer as cenas...

Tohmé disse...

É Felipão, aquela cena que a Ferrari despenca dá dor no coração...