segunda-feira, 19 de setembro de 2011

SÓ PODE SER GOZAÇÃO

Pela primeira vez, em três anos, peço licença aos leitores para tratar de um assunto não relacionado ao antigomobilismo, mas o episódio de hoje causou tamanha indignação que resolvi deixar registrado aqui um pequeno protesto contra o massacre do cidadão promovido pelo Estado Brasileiro.

Como é óbvio para todos os que me conhecem, sou um apaixonado por automóveis; tenho sete deles em minha garagem. Há muitos anos, entretanto, tenho um Palio EX 1.0 1998 que uso quase que exclusivamente para ir ao consultório. A razão para ter um carro de uso diário tão abaixo das minhas possibilidades é simples: não há estacionamento privativo na região do meu consultório, situado em um bairro residencial, e me cansei dos dissabores de deixar um carro mais vistoso na rua o dia inteiro. Já perdi a conta de quantos arranhões, vidros quebrados, retrovisores roubados e outras ocorrências semelhantes em sete anos que estou ali, mas, com o velho Palio, pelo menos, o desgosto é menor. Roubaram uma calota? Fica sem calota. Arranharam a porta? Fica arranhado. Quebraram um vidro? Pago R$ 100 para colocarem outro e vamos tocando a vida, desamparados pelo poder público, como se isso fosse a coisa mais natural do mundo. Hoje estacionei o carro em frente ao consultório às 14:00, como de costume. No final do expediente, pouco depois das 19:00, o vidro lateral estava quebrado e, ao lado do carro, dois policiais que disseram estar ali desde as 16:00. Naturalmente, nenhum meliante estava preso, detido ou intimado a me ressarcir do prejuízo, mas sim um guincheiro que se preparava para remover o carro dali! Um carro estacionado regularmente, com todos os impostos, taxas e seguros compulsórios pagos, vítima de um crime e a gloriosa Polícia Militar, que eu acreditava ter a missão de proteger o cidadão, querendo me "premiar" me deixando sem carro e tendo que pagar todas as taxas de reboque, estacionamento e demais extorsões oficiais de que somos vítimas sem nos darmos conta. Alegou o eficiente soldado que estava tentando localizar o dono do carro havia três horas e que aquilo caracterizava abandono! Eu trabalho EXATAMENTE EM FRENTE ao local da ocorrência, em uma casa com uma secretária/recepcionista, como podem não ter me "localizado" (sic)? E que abandono é esse em que o carro ficou menos de seis horas estacionado regularmente? E que cidade é esta, tão pacífica, que pode deixar dois policiais ociosos por três horas tentando "localizar" o proprietário de um carro vítima de vandalismo, como se outros crimes não estivessem ocorrendo ali mesmo, naquela rua? Será que estou ficando louco? Ou isso tudo era uma pegadinha e só eu não percebi?

38 comentários:

Daniela disse...

Luiz, também estou indignada! Absurdo descabido!

roberto zullino disse...

O dotô como shrink deve saber que o Brasil tem dois "pobremas", o primeiro é que a maioria esmagadora da população não tem "célebro", certamente fato comprovado por V.Sa. quando ainda estudante de medicina, é nessa massa ignara que são recrutados os bravos defensores da lei da qual não tem a menor idéia do que seja, mas a defendem galhardamente.
o segundo "pobrema" chama-se sistema educacional que é uma eficiente fábrica de analfabetos funcionais.
A Coréia há 30 anos era uma bosta, promoveu uma revolução educacional e está onde está. Nós continuamos sendo o país do futuro, mas sem o presente. Isso poderia ser um caso de esquizofrenia coletiva? Haveria algum remedinho para se dar para a população misturado na água como flúor?
Como seu psiquiatra informal vou receitar. Por enquanto tome um Frontal de 2 mg por dia, metade de manhã e metade no meio da tarde. Para dormir, 10 gotas de Rivotril, se precisar de receita eu dou um jeitinho, assino como engenheiro mesmo que deve passar, ponho meu CREA e está tudo certo.

Belair disse...

Uma placa sobre o painel resolve,com os dizeres:contas a pagar na casa em frente...
Dr.,aqui quase TUDO e' revoltante,entao rir com o Zullino e' um bom "remedio".

M disse...

Ladrão-de-merda, país-de-merda, polícia-de-merda, políticos-de-merda !
Lembro de um bebum que ainda recentemente dizia que isto é muderno. A piada é que o povo acreditava !
Não gosta ? Mude-se para o Paraguay...

Luís Augusto disse...

Caros, o que mais me deixa besta é que os bravos soldados só ousaram fazer o seu "bravo" serviço porque acharam que o Palio velho era de um coitado qualquer que, se não ficasse calado, ia em cana junto com o carro. Quando viram um "dotô" vestido de bacana lhes passar uma descompostura, a primeira coisa que disseram é que meu carro não seria rebocado, embora o guincheiro tenha dito o contrário. Gostaria de pedir a todos os leitores que se manifestassem pois pretendo levar essa postagem para o comando da PM daqui.

Migdonio disse...

Era o que eu ia dizer, eu falaria com o comando, ouvidoria, o caralho a 4.
O meu vô que nasceu em 1910 dizia: esse país só tem uma solução, chover meia hora pólvora e um tostão de fogo.

roberto zullino disse...

E o dotô acha que o comando da PM pode fazer alguma coisa? Está tão vendido na jogada quanto nós.
O problema é o material humano que este país tem, a PM não é diferente de nenhuma outra organização, tem que se virar como as outras e como paga mal só consegue a raspa do tacho e ainda tem que gastar para treinar os caras.
O comando deve morrer de medo de dar uma arma para os caras, vira e mexe acabam fazendo merda. Eu não dormiria de noite se fosse o comandante.
Siga o seu médico que sou eu e fique quieto e tome os remedinhos que receitei. Nesta noite dobre a dose, mas só hoje.

roberto zullino disse...

Gostei dessa do avô do Migdonio, vou trocar a gasolina de avião pela pólvora, melhor, umas bananas de dinamite.

M disse...

Quem deve ter ficado + puto foi o guincheiro ! Perdeu um $$$ no mole !
E os valores cobrados neste caso, são só o dobro dos de mercado.
Afinal ele precisa distribuir os agradinhos...

sergio disse...

Este é o retrato da situação deficiente em que vivemos. Quem será o errado desta história. Os PMs estão seguindo as ordens de leis malditas e mal feitas, foram treinados para lidar com a escória, não é de se esperar tal atitude dos ditos oficiais. O ladrão ou vandalo está sendo ele mesmo, oportunidade ele tem de sobra, pois mora em um país corrupto, com uma polícia que não o detem. O colega que utiliza um carro popular velho, que não gosta, para se proteger de futuros incomodos está sendo conivente com esta realidade. Quem é o mais errático... a resposta é no coletivo....NÓS. Vamos ter mais atitude contra os problemas governamentais e públicos, senão estaremos confinados a este país caótico para sempre.

Museu do Dodge disse...

Esse país é patético ...

Guilherme da Costa Gomes disse...

É triste.

Matheus Marques disse...

Absolutamente envergonhado com essa história. Patético é o mínimo, Doutor.

regi nat rock disse...

Se vc seguir o conselho do Zuzu, e tomar 10 gotas de rivotril, vai dormir uma semana sem nem ir ao banheiro e aí sim seus carros tomarão chá de sumiço... Sorry Doc mas isso nada mais é quer o retratop podre da sociedade. A policia é apenas um palido aspecto do que se transformou o paíz, comonuncaantes... Falta de escolaridade, falta de educação, falta de treinamento , falta de vergonha na cara, péssimos exemplos de quem deveria guiar o povo num rumo decente, em algum lugar a corda vai arrebentar. Desta vez voce foi o "premiado". Eu, permanentemente me sinto violentado por tantos desmandos. E me sinto impotente.

Justino Silva Jr. disse...

Poutz, oq dizer disso... esperar civilidade dos meliantes não tem como mesmo. Mas quando esses absurdos vêm dos representantes do Estado a indignação sempre é maior. Infelizmente, esse tipo de coisa acaba parecendo 'normal', pois diariamente as pessoas nesse país sofrem coisas até piores.
Mas eu espero nunca perder a capacidade de indignação, o comodismo é o pior dos males da nossa sociedade.

Francisco J.Pellegrino disse...

Luis, os amigos aí acima já falaram quase tudo...pagamos um IPVA absurdo e andamos em ruas com pavimento de terceira categoria, compramos o carro mais caro do mundo e sorrimos quando nos entregam o mesmo, somos achacados pelos flanelinhas e não podemos nem abrir a boca, não temos coragem de largar nosso carro com o valet na porta do restaurante pois seremos roubados com certeza, pagamos um valor estratosférico do pedágio aqui em Sampa e não trafegamos sossegados pois podemos ser assaltados a qualquer momento, pagamos nossos impostos em todos os níveis e não temos retôrno de qualidade de serviços públicos,vemos o dinheiro da nação escorrendo na vala da corrupção e "cordeiramente" nos conformamos, vemos o nosso dinheiro ser utilizado para Copa do Mundo e Olimpiadas em obras faraônicas que serão futuros elefantes brancos...Vemos nossa policia despreparada, vemos nossas fronteiras desguarnecidas, abertas para a entrada de armas e drogas, o Zuzu comentou do exemplo coreano...é um fato inegável, vemos o governo tomar medidas protecionistas para industria automobilistica presente aqui no país e não proteger o restante das micros,pequenas e médias empresas brasileiras que geram a maior parte dos empregos no país...depois de expôr toda esta minha revolta o que podemos dizer de 2 exemplares soldados que ficaram por 3 horas "TOMANDO CONTA DO SEU QUERIDO PALIO" ???? minha modesta opinião e que vc agradeça a eficiente Policia Militar Mineira.

roberto zullino disse...

Não sei, mas acho que preciso mandar uma receita para o Chicão Pellegrino,o maloca está em uma tensão terrível, os chinas, o governo e aquela merda de baratinha que não fica pronta estão acabando com ele, fora a Veraneio GT que nem freio de mão tem.

Nikollas disse...

Luís, lamento. Mas sua sorte não é pior do que a de nehum outro brasileiro. Aqui no Rio, por exemplo, o Detran utilizou, por quase dois anos, um lacre vagabundo com arame ordinário nas placas. Não tratado, o arame rapidamente oxida e se rompe, perdendo o cidadão o lacre pelo qual pagou. Aí, o Detran organiza blitz para rebocar os carros sem o lacre que ele nos vendeu. Meu pai caiu numa dessas, resgatar o carro dele me custou 2 dias e 25 anos de vida. Ou pior, o Detran do Rio não emite documentos há mais de 15 dias por falha no sistema. Estõa a PM e o Detran agora organizando blitz para recolher automóveis sem documentos emitidos nesse período.
E aí, vamos reclamar com quem? Vamos ao STJ, qua acabou de limpar o nome da família Sarney?
Luís, vamos nos recolher ao nosso lar, fechar as janelas e torcer que essa temepstade passe logo.

Buonanno disse...

Se por um lado foi bom os policiais terem ficado ao lado do carro, parece mentira que eles não pensaram em tocar a campainha das casas em volta.

roberto zullino disse...

Qual a melhor maneira de roubar um carro? Guinchá-lo não? Os policiais não são tão burros como se pensa.

O Corsário Viajante disse...

Já falaram tudo aí em cima, posto em solidariedade.
Agora, para mim o Zullino cantou a bola: mal contada esta história de guincho e tal... Parece que queriam era roubar o carro, afinal, como disse, "deve ser de algum pobre, qualquer coisa dá uns tapões e pronto"...
Revoltante!

Renato Passos disse...

Não sei em qual lugar se deu o ocorrido, mas o policiamento da Zona Sul de BH anda VERGONHOSO!

Desde que vi policiais num descontraído papo com garotas de programa na Afonso Pena, passando por carros roubados em frente ao meu prédio no Serra, saidinha de banco no Anchieta na qual a PM demorou um tempo imenso para andar dois quarteirões, assalto a mão armada na praça Milton Campos em plena luz do dia fechando o ciclo em uma visita à sede da PM no Parque das Mangabeiras, no qual pouco caso é feito de tudo isso.

Enfim, é uma vergonha. Não deixo meu carro 10 minutos na rua sequer, infelizmente.

roberto zullino disse...

damos voltas e mais voltas no assunto, mas ainda não conseguimos resolver um problema fartamente discutido no senado romano há 2000 mil anos, por incrível que pareça Roma era uma democracia ao estilo da época, aliás em alguns aspectos bem mais avançada que as melhores democracias de hoje.
o enunciado do problema é muito simples: "quem policia a polícia"?
quando erros acontecem de forma repetitiva e apesar das reclamações continuam acontecendo, pode-se colocar uma coisa na cabeça, quem está errando sabe muito melhor do que nós o que está fazendo.
já disse antes, os policiais podem ser umas bestas, mas ninguém fica 3 horas ao lado de um carro esperando guincho, não são idiotas, ainda mais sendo da polícia, sabiam muito bem o que iriam fazer.

Luís Augusto disse...

Zullino, infelizmente estou me convencendo de que vc tem razão; parece que havia mesmo alguma má intenção dos PMs. Talvez a melhor saída seja uma desobediência civil. Deixo um carro velho sem pagar taxas, seguros, licenciamentos etc rodando até ser roubado ou apreendido. Aí compro outro e recomeço o ciclo. Será que alguém, já fez essa conta para ver se vale o risco?
Renato, meu consultório é justamente na Serra!

roberto zullino disse...

Faça melhor e de maneira mais elegante e mais completa: roube um carro e fique andando com ele.
se te pegarem, você é "una fina stampa" e certamente encontrará uma explicação plausível.

Renato Passos disse...

Luis Augusto, se eu te informar o que sei de delitos que andam ocorrendo por aqui, você fará as malas e irá embora daqui no dia seguinte.

Nossa Polícia é ineficaz por diversão ou por vocação. Só que isso não combina com uma pequena parcela de homens justos.

Uma dica: Venha de táxi. Roubo de carro aqui na Serra só aumenta dia após dia...

Luís Augusto disse...

Já estou finalizando uma sala no Sion (com garagem!), me mando pra lá no mês que vem!

roberto zullino disse...

Já vai dobrar o preço da consulta e a culpa é dos meganhas.

Luís Augusto disse...

Vou nada, tenho fama de barateiro! O ironia é que a sala nova fica a 2 min. a pé de onde eu moro - não preciso nem atravessar a rua; continuo sem razão para um upgrade no Palio!

Dom Moleiro disse...

Luis ,boa noite .
Pode ter certeza que se seu carro fosse guinchado nunca mais você o veria .A polícia hoje faz parte integrante do crime organizado .Um país governado por comunistas só pode dar nisso.E vai piorar muito mais ,pois o governo vai forçar uma situação extrema para poder decretar estado de sítio e entrar de uma vez com a ditadura comunista .O Lula plantou e esse povinho imbecil que só quer cerveja ,funk ,novela e futebol ajuda a regar todos os dias .
Tenho muita saudade dos governos militares .
Abraços

Anônimo disse...

Bom que já está providenciando uma nova sala com garagem. Nos dias de hoje, deixar um carro dando sopa para os meliantes por muitas horas na rua é uma temeridade. Iria sugerir que se informasse e alugasse uma vaga em alguma residência. Quanto a colocar a coisa pra frente, uma queixa na ouvidoria da PM, narrando os fatos, seria o mais viável, embora não lhe ressasrcisse do prejuízo maior, o moral, lhe daria a certeza que ditos policiais iriam ao menos fazer uma Informação, relatando os fatos e tomassem mais cuidado da próxima vez.
Marcelo Meireles Bahia.
Fortaleza/CE

Anônimo disse...

Brasil , sil ,sil, sil

Pão e circo e rumo a copa!!

Road Runner disse...

Não há como traduzir em palavras a revolta que dá ao ler seu post. PQP! Agora inverteram os papéis, os bons vão ter que pagar pelos erros dos vagabundos de plantão? Fala sério...

Por isso que eu digo: tomara que o Brasil tome uma lavada nessa meleca de Copa que vem por aí! Uma goleada de uns 5x0 da Argentina seria o máximo!!! E que o mesmo aconteça nas olimpíadas. Quem sabe sem o circo o povo acorda pra vida.

Luís Augusto disse...

Amigos, obrigado pelas manifestações!

Mário César Buzian disse...

Luís,

Sem dúvida uma situação revoltante !!
E eu também já passei por algumas dessas nessa vida...
A última aconteceu no começo desse mês, estava em uma cidade em que não conhecia direito e não sabia que trafegava numa rua não-preferencial, me envolvi em um acidente de trânsito com o carro de minha esposa (que felizmente tem seguro), tudo resolvido rapidamente e ambos os carros (meu e do acidentado, que nada sofreu) guinchados para as oficinas, tudo transcorreu normalmente...Quando ontem à noite o sujeito no qual eu colidi me liga dizendo que o carro dele (que tem dez anos de uso) está com o motor "rajando" por conta de um contragolpe sofrido na batida e que ele vai me acionar judicialmente para que eu o ressarça dos seus "grandes prejuízos"...Detalhe: a batida no carro dele se deu na lateral traseira esquerda...E o dito-cujo ainda tem a cara-de-pau de me dizer que não está se aproveitando da situação...
Não dá pra levar esse povinho a sério mesmo...
Acho que vou seguir o conselho do Zullino e tomar uns remedinhos...

roberto zullino disse...

só me dão trabalho, agora vou ter que fazer mais uma receita.
mande o digno acidentado tomar naquele lugar, pegar senha e nem se preocupe, para isso você tem seguro, deixe ele se entender com a cia de seguros para ver o que é bom para a tosse.

Anônimo disse...

É o famoso golpe do guincho, aplicado pelos próprios policiais militares. Por pouco seu carro não foi roubado por estes dois. E localizar o proprietário de um carro emplacado é muito, muito fácil. Basta uma comunicação para o policial obter essas informações.

Luís Augusto disse...

Acho que quem se livrou de uma fria foram os policiais, se é que queriam mesmo roubar o carro. Ele tem seguro total e eu iria calmamente passar o problema para a seguradora.