segunda-feira, 15 de junho de 2009

OPALA CONVERSÍVEL?


Não exatamente. Embora existam algumas transformações isoladas feitas no Brasil, os únicos representantes da linhagem do Opel Rekord C que saíram da fábrica nessa configuração foram os Opel Commodore A Cabriolet, construídos pela Karmann em Osnabrück. O Commodore era a exclusiva versão top-de-linha do Rekord, que vinha com um seis em linha 2.5 de 129 cv líquidos com carrocerias semelhantes às dos Opalas duas e quatro portas e cujo motor deu origem ao dos primeiros Omega CD 3.0 feitos por aqui. Voltando ao Cabriolet, o modelo da foto foi flagrado pelo site Madle no Schwetzingen Oldtimergala 2006 (Alemanha) e chama a atenção pela exclusividade: apenas quatro exemplares foram construídos antes que a Opel desse fim ao projeto.

12 comentários:

Germano disse...

raridade mesmo...

Mauricio Morais disse...

Sempre pensei nesta versão do Opala e de série. Só que não havia cultura pra tal.
É muito bonito este carro. Só não gosto dos faróis.

Mauricio Morais disse...

Sempre pensei nesta versão do Opala e de série. Só que não havia cultura pra tal.
É muito bonito este carro. Só não gosto dos faróis.

Felipão disse...

Mais um projeto comandado pela extinta Karmann... Que desanse em paz...

Emerson Montalvão disse...

Ficaria feliz só de ver um desses de perto...quem sabe um dia...

Luís Augusto disse...

Para quem já teve a perua...

De Gennaro Motors disse...

eita frentinha feia!

M disse...

Quem quiser fazer um pode me procurar !
Tenho um abridor-de-latas alemão, treinado em abrir capotas...

M disse...

Detalhe: Estou parado no trânsito !
2 horas e 1/2 para atravessar a cidade. São Paulo é terra de doidos...

Emerson Montalvão disse...

Por falar nisso, tá a venda de novo! Do jeitinho que eu entreguei!

rids disse...

Foram feitos muito mais do que 4 Commodore conversíveis. Tenho imagens em que aparecem mais de 10. Mas que são raros, isso são.

Luís Augusto disse...

Prezado rids, a informação veio do site Madle:
"Opel Commodore A Karmann Cabriolet, 1967
Auf dem Besucherplatz tauchte diese besondere Rarität auf.
Eines von nur VIER Cabriolets, die bei Karmann auf Basis des Opel Commodore entstanden, leider ging es nicht in Serie..."
VIER = QUATRO.
Ou a informação está errada ou vc viu Rekords comuns (não Commodores) produzidos por outra encarroçadora que não a Karmann.
Obrigado pela participação!