terça-feira, 17 de novembro de 2009

PORSCHE 911 A PREÇO DE V8 NACIONAL



Os dois Targas deste post, fotografados no Brazil Classics 2006, ilustram bem o que foi a evolução da primeira para a segunda geração do Porsche 911, que, embora tenha perdido muito da pureza das linhas dos pioneiros, conservou intactos o carisma e a identidade da marca. E, justamente por terem perdido a delicadeza dos anos 60 e por não ofereceram os aperfeiçoamentos técnicos da excelente terceira geração, os 911 da segunda leva são considerados os menos desejáveis da linhagem e se tornaram uma verdadeira pechincha no mercado americano, sendo possível encontrar bons modelos por cerca de US$ 15,000, que acabam chegando em terras brasileiras por preços menores do que o de Chargers R/T e Mavericks GT que, embora carismáticos, não oferecem nem uma fração do prazer em dirigir que o clássico de Stuttgart disponibiliza aos seus proprietários. Para quem não se importa em desfilar com o 911 "errado" (como se isso fosse possível), talvez esteja aí uma das melhores relações custo-benefício do mercado de antigos. Alguém se habilita?

27 comentários:

Flávio Costa disse...

Concordo com você! Pena que a lista de pagamentos (taxas, impostos, I.I, I.P.I, Cofins, ICMS, desembaraço, despesa portuária, transporte, etc..) desanima um pouco na hora da importação. Se fizer tudo bonitinho, um carro de U$2K chega aqui por uns 14K.

Luís Augusto disse...

Flávio, se os 14K forem US$, pode ser até um pouco menos.

Guilherme da Costa Gomes disse...

Nessa comparação, ainda prefiro um nacional...

Francisco J.Pellegrino disse...

Dr, vamos sonhando....

Carros Antigos disse...

Luís, um amigo que é colecionador de Citroens Traction Avant me mandou esse link de alguém do círculo dele que está organizando uma história do modelo. Esta é a parte 1, achei que seria do seu interesse.

http://www.traction-owners.co.uk/1.wmv

É pra fazer o download.

Abraço, Nik.

M disse...

O "amarelinho" é da melhor safra !
Pois é, Dotô !
Com os prêços delirantes das "jóias" nacionais, não é nem para pensar 2 vezes, né ?

Luís Augusto disse...

Cavalheiros, obrigado pelos comentários. Curiosamente, acabou de sair no blog do Gomes a foto de outro 911 da 2a. geração, provavelmente importação recente.
O preço dos nacionais deve despencar no curto prazo, até porque MGB e Corvette Stingray (ambos pós-74) estão em patamar próximo de preço.

Felipão disse...

Bom.. eu prefiro os dois alemães... sem sombra de dúvida, apesar de ter crescido entre dodgões e mavecões...

Arthur Jacon disse...

Por quanto chegaria aqui no Brasil um carro desses? Uns R$ 70.000,00? Se for, é muito melhor do que comprar Dodge e Maverick, embora a manutenção seja estupidamente onerosa.

Luís Augusto disse...

Arthur, acredito que um carro de US$ 15,000 desembarque no Brasil por cerca de R$ 40-45 mil

M disse...

Dotô,
Tá maus de contas !
Um carro de US$ 15 K, vai chegar por aprox. US$ 35 K, que seriam hoje R$ 63.000,00.

Luís Augusto disse...

M, sou ruim de matemática!

Mauricio Morais disse...

Realmente vale a pena investir nos Porsche. Vamos às compras então!!

Arthur Jacon disse...

É Luís, tá um pouco mais caro do que o Dodge. Mesmo assim, vale a pena. O carro é incrivelmente lindo.

Arthur Jacon disse...

Alguém quer comprar uma Belina, um Opala e um XR3?

Edward disse...

Realmente ! Os preços de um Clássico lá fora , e um aqui .. Muita diferença! Ultimamente estive dando uma olhadinha , em alguns sites fora do Brasil , e em alguns deles , pode se comprar uma relíquia por tão pouco . Como no Site E-bay , achei uma Bmw 750i ano 90 por 8mil dólares e pelo meu ver estava impecável . E um Corvette 74 e um Mustang Hard Top , ambos perfeitos e por um preço atraente demais .

Luís Augusto disse...

Edward, bem vindo! Vou ver se continuo com o tema no próximo post.

De Gennaro Motors disse...

adoro essas 911 !

Chrysler Building disse...

Luís,

"Não oferecem uma fração de prazer" é algo excessivamente subjetivo, não achas?

Carros com estatura, composição mecânica e ergonometria totalmente distintas, além das escolas igualmente adversas.

E como comparar um SP-1 com um Itamaraty executivo...

Um abraço e parabéns pelo blog,

Luís Augusto disse...

Chrysler Building,
Vc já dirigiu um Porsche por, digamos, uma fim de semana inteiro? Tudo bem que prazer não é mensurável, mas um legítimo esportivo dois-lugares tende a ser bem mais atraente...

Chrysler Building disse...

Você continua retroagindo na mesma seara: "atraente" também é hiper subjetivo.

Já andei em um 911 e não precisei de um final de semana para constatar a colossal diferença entre ele e qualquer projeto mid/full size norte americano. Para mim, honestamente, não cabe comparação...

Patek Philipe combina com Cartier e Citizen, com Casio.

Como diria uma canção da moda de texto bem "erudito":

Cada um no seu quadrado...

Um abraço,

Luís Augusto disse...

Quer saber? Vc está coberto de razão. Tem hora que a 9a. de Beethoven conduzida pelo Furtwängler ou pelo Bernstein é simplesmente sublime. Eventualmente um rock progressivo pode nos levar ao mesmo patamar.

Luís Augusto disse...

Só complementando: vc deve estar detestando a antiga seção "Europa x América" do blog!

Chrysler Building disse...

E o mais legal disto tudo é que ambos ouviam! Uma pena que o primeiro tenha se notabilizado em um período macabro da história recente...

Nada contra a "contenda" criada apesar de, como tudo na vida, mesclar erros e acertos.

Porsche x Corvette? Sublime.

Com Dodge e seus congêneres, impraticável...

Um abraço,

Luís Augusto disse...

É...
Fico feliz em ter leitores do seu nível.
Furtwängler pecou pela ingenuidade, como, talvez, o Dr. Porsche, mas ninguém duvida da genialidade de cada um em seu "quadrado", para aproveitar sua expressão.
Sobre o Europa x América, não me lembro de nenhum Porsche x Dodge.
Abraços

Chrysler Building disse...

Seu blog é excelente. Agrega várias marcas e tem a primazia (pelo menos dentre os que acompanho) de não verticalizar bandeiras, apesar de (um)alguns partícipe(s) (ou um só?) insistir(em) em demonizar marcas, modelos e segmentos que não o(s) agrada.

Coisas do homem...

Você, por dever de ofício, deve saber destrinchar estes labirintos da mente humana bem melhor do que eu...

Um abraço,

PS: Não houve comparativo explícito entre Porsche x Dodge mas sim, um eventual peso que os dois teriam entre custos e prazeres, dado por ti...

Luís Augusto disse...

Agradeço sinceramente sua manifestação.