segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

R.I.P., FÁBIO STEINBRUCH

Hoje a comunidade antigomobilista amanheceu em luto pelo morte do colecionador Fábio Steinbruch, 51 anos, vítima de acidente motociclístico em São Paulo. Embora não tenha tido o prazer de conhecê-lo, tinha enorme simpatia pela sua gigantesca coleção de veículos nacionais, que reunia praticamente todos os espécimes já fabricados por aqui, inclusive peças únicas, como o FNM Fúria, e modelos raríssimos, como o Uirapuru conversível, Willys Itamaraty Executivo, Opala SS 4 portas e Renault 1093, comprados e valorizados pelo Fábio em uma época em que ninguém os enxergava, ainda, como objetos de coleção. Deixo com os leitores a fotos do modelo mais emblemático do seu acervo e meus sinceros sentimentos à família Steinbruch.

4 comentários:

Anônimo disse...

Sem falar da dor imensurável da família.Pensar que toda a coleção , se , eu disse se acontecer como o script será leiloada, vendida ou ainda pior, como a do Roberto Lee saqueadas.Enfim como você disse R.I.P.

Giant V8 disse...

Fábio era um grande conhecedor, colecionador e escritor que teve a coragem e a felicidade dedicar sua vida à sua paixão, os automóveis!
Nos conhecemos pelo Chrysler Clube do Brasil, que além de sócio era um grande colaborador, sempre participando pessoalmente ou então emprestando os maravilhosos carros de seu acervo para os eventos do Clube. RIP.
www.V8nFUN.blogspot.com

M disse...

Que absurdo ! Um acontecimento assim nos força a repensar nossas vidas !
R.I.P., grande Fábio !

Paulo Levi disse...

Também eu não tive o prazer de conhecer o Fábio Steinbruch pessoalmente. Mas tendo lido o ótimo livro por ele escrito com a colaboração do Bob Sharp, sinto a sua perda como a de um amigo. Descanse em paz, Fábio.